Sergipe
Reforma do Colégio Atheneu será concluída em 90 dias, diz Governo
Obras estão 80% executadas e deverão ser finalizadas até julho deste ano
Cotidiano| Por Agência Sergipe 15/04/2019 18:21

Faltam apenas 90 dias para a ansiedade de Cirilo Guimarães Andrade, 16 anos, acabar. Morador da cidade de Japaratuba, ele é estudante do segundo ano do ensino médio do Colégio Estadual Atheneu Sergipense e já está cheio de expectativa para ver a escola voltar a funcionar. “Meu pai fez o ensino médio no Atheneu, sempre falou muito bem e me incentivou a estudar lá. Consegui uma vaga e não vejo a hora de, enfim, fazer parte da escola onde vários sergipanos importantes estudaram”, declara o jovem.

Expectativa semelhante é a do seu colega de turma, Washington Humberto Souza. “Gosto muito de lá e a vontade de que as aulas recomecem é imensa, não apenas de minha parte, mas de vários colegas”, revela o estudante de 17 anos.

Incentivada pelos pais e irmãos, Vitória Silva Fidelis, 17 anos, não disfarça a vontade de ver como tudo ficou. “Meus pais e meus irmãos estudaram no Atheneu e sempre tive boas referências. Depois que o conheci, a vontade em ir para lá aumentou ainda mais”, conta a estudante do segundo ano do ensino médio.

Muito em breve os anseios destes e de outros alunos matriculados no tradicional colégio sergipano terão um ponto final. Executada pelo governo de Sergipe, por meio da Companhia Estadual de Habitação e Obras Públicas (Cehop), a reforma e modernização da unidade de ensino recebe investimentos no valor de R$ 8.387.488,41, oriundos de recursos do tesouro estadual e consiste na recuperação de partes da sua estrutura, revitalização do refeitório, construção do grêmio estudantil e sala de dança, revisão da cobertura, esquadrias de madeira, cobogós e grades de proteção, implantação de sistema de climatização de Ar Tipo VRF, recuperação dos WC’s para pessoas com deficiência, da estrutura metálica da quadra poliesportiva, pavimentação dos acessos e passeios em piso de concreto desempolado, pavimentação interna do prédio em piso de alta resistência e piso cerâmico e pintura geral interna e externa, substituição dos quadros verdes pelos quadros de fórmica brancos e algumas ampliações.

“Estamos em um bom ritmo de serviços, a urbanização e a pintura teve um avanço considerável e se continuar nesse ritmo de trabalho, tudo indica quem em julho o colégio será entregue”, completa do diretor técnico, Howard Lima.

O andamento dos serviços

De acordo com o engenheiro fiscal da obra, José Silva, os serviços estão céleres. “Reformamos todas as salas, banheiros e laboratórios, construímos as calçadas laterais externas, executamos o sistema de drenagem e rede de esgoto, sistema de refrigeração, instalação do sistema de proteção contra descargas atmosféricas (SPDA), do monitoramento de segurança com câmeras, instalações elétricas (postes, 350 luminárias em LED, 92 lâmpadas de emergência), e hidrossanitárias. Também instalamos as esquadrias e assentamos todas as portas e janelas, construímos quatro quiosques na área externa e dois no pátio interno, revisamos do telhado e da cobertura da quadra, fizemos a recuperação da estrutura da quadra de esportes, de modo que na parte interna resta apenas a implantação do forro e pintura no teto do primeiro andar, bem como a instalação de luminárias e os acabamentos finais, sem precisar que nenhuma das árvores que circundam o colégio tenha sido arrancada”, detalha.

Ele destaca outras atividades desenvolvidas. “Contamos com um efetivo de 60 profissionais que, no momento, trabalham na substituição do telhado do refeitório, construção da subestação de energia, finalização da rampa de acesso ao pavimento superior, preparação da base para aplicação do piso de tech-stone (piso de concreto estampado e pigmentado muito utilizado em estabelecimentos comerciais, industriais, shoppings centers, hotéis, centro esportivos), concluindo a edificação da sala de dança, grêmio estudantil e acabamentos específicos, de modo que o percentual executado é de 80%”, acrescenta.

Acessibilidade

A acessibilidade é um fator de destaque na modernização do colégio, pois, assim que concluída, a instituição de ensino atenderá integralmente as novas normas técnicas exigidas em lei, uma vez que, além da recuperação das rampas de acesso e revitalização da rampa que liga o térreo aos demais pavimentos, foi construída uma nova rampa coberta que dá acesso ao refeitório; uma escada coberta de acesso aos pavimentos superiores; ampliada a rampa do acesso principal; construção de banheiros destinados às pessoas com mobilidade reduzida e implantação de elevador que atenderá aos dois pavimentos superiores; seis mapas em braile; aplicação de piso tátil, nova pavimentação interna em piso de alta resistência; catracas eletrônicas no acesso principal e, além disso, o auditório que ficava no segundo pavimento foi realocado para o térreo, sendo necessário a construção de uma nova cobertura em estrutura metálica. Com a ampliação de 214,14 m², a área atual construída passará de 6.106,94 m² para 6.854,50 m², da área total que do colégio que é de 12.215,66 m².

Diretor do Colégio Atheneu há três anos, Daniel Lemos assegura que a reforma não prejudicou o ano letivo. “Os 1.015 alunos foram transferidos para outras duas unidades de ensino da rede estadual localizadas na capital -- o Instituto de Educação Ruy Barbosa e o Centro de Educação Profissionalizante José Figueiredo Barreto -, ambas adaptadas e interligadas para a acomodação dos discentes, não acarretando prejuízos à continuidade do projeto pedagógico, uma vez que o centro de excelência funciona em regime de tempo integral, tal qual o Colégio Atheneu”, informa.

O trabalho de revitalização, segundo o diretor, proporcionará inúmeras melhorias. “Estamos buscando uma escola acessível e moderna para os estudantes, a fim de que eles possam ter uma escola interativa e todos os ambientes sirvam para aprendizagem. Temos a certeza de que será um modelo de modernidade para as outras escolas do Estado e a melhor no quesito infraestrutura”, avalia.

Mais Notícias de Cotidiano
23/07/2019 21:00 Aracaju sedia primeiro Encontro Sergipano de Engenharia de Produção
Tema do evento é “Perspectivas e contribuições da engenharia de produção para o Estado de Sergipe”
23/07/2019 19:00 Hospital de Riachuelo está há três meses sem receber verbas do Estado
Secretaria de Saúde diz que contrato foi renovado e pagamentos devem ser feitos até sexta, 26
23/07/2019 18:31 PC apreende adolescente por estupro, roubo e incêndio
Adolescente foi apreendido no mês passado e solto no dia seguinte
23/07/2019 18:27 PC prende suspeito de homicídio na zona rural de Propriá
Um dos envolvidos morreu e outro continua foragido
23/07/2019 18:12 Lavandeiras são os principais pontos de criadouros de Dengue
Saúde atua nos municípios com alto índice de infestação do aedes aegypti