Caminhões pipa tentam minimizar efeitos da seca em 15 cidades sergipanas
Produtores de milho e feijão já contabilizam 75% de perda da safra
Cotidiano| Por Milton Alves Júnior 09/08/2018 11:00 - Atualizado em 10/08/2018 09:59

Com a adesão do município de Gararu, subiu para 15 o número de cidades sergipanas que enfrentam graves problemas em virtude da forte estiagem. Todos precisaram decretar estado de emergência. De acordo com a Defesa Civil Estadual, 67 caminhões pipa – 52 do Exército e 15 do Governo de Sergipe - trabalham para amenizar os problemas causados pela seca.

Entre os municípios atendidos pela Operação Pipa estão, por exemplo, Nossa Senhora da Glória, Pinhão, Nossa Senhora Aparecida, Carira, Tobias Barreto, Monte Alegre de Sergipe, Canindé de São Francisco, Frei Paulo, Porto da Folha e Poço Redondo. Diante da perspectiva de continuidade na falta de chuva, é possível que esse número aumente ainda neste mês de agosto.

“As chuvas mais escassas neste segundo semestre devem, sim, resultar na inclusão de outros municípios dentro desta difícil realidade. Estamos monitorando os decretos de estado de emergência e atuando de forma paralela com o Exército Brasileiro”, declarou Alexandre Alves, comandante da Defesa Civil estadual.

Conforme levantamento realizado pela Federação da Agricultura e Pecuária de Sergipe (Faese),  mais de três mil produtores estão sendo afetados com a estiagem, um saldo negativo que ultrapassa a casa dos R$ 78 milhões. A federação acredita ainda que R$ 204 milhões deixarão de ser movimentados na economia do estado, gerando uma frustração de R$ 282 milhões.

Na manhã dessa quinta-feira (09), coordenadores das defesas civis municipais participaram de uma reunião com a proposta de discutir os pedidos de emergência. O encontro administrativo ocorreu na sede da Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social, em Aracaju.

“Todo esse conjunto de situações dificultosas representa 20% dos municípios enfrentando adversidades por causa da seca. A perda na agricultura e agropecuária interfere diretamente na economia de centenas de famílias e estamos nos reunindo e unificando as nossas forças para tentar minimizar as dificuldades”, afirmou o coronel Alexandre Alves.

Mais Notícias de Cotidiano
17/10/2018 11:30 Sergipe não é afetado com fechamento de agências dos Correios
Estatal encerra atividade de 41 agências consideradas deficitárias em 14 estados
17/10/2018 10:55 Idoso é assassinado a tiros no centro do município de Capela (SE)
Homem morava com a filha e mudou-se para a cidade após ficar viúvo
17/10/2018 10:36 Condutor é flagrado dirigindo em alta velocidade na BR 235
Homem foi detido por policiais rodoviários federais em Itabaiana (SE)
17/10/2018 10:35 Peregrinação de Divina Pastora deve atrair milhares de fiéis ao Santuário
Missas na programação serão celebradas pelo Arcebispo de Aracaju, Dom João José Costa
17/10/2018 10:30 Chuva deve ser frequente em Sergipe nos próximos meses
Metereologista diz que aumento da instabilidade trará chuvas e trovoadas para todas as regiões