Bolsonaro tem alta da Unidade Semi-Intensiva é transferido para apartamento
O presidente não tem dor, nem febre e segue com melhora do quadro pulmonar
Brasil e Mundo| Por Agência Brasil 11/02/2019 16:51 - Atualizado em 11/02/2019 17:01

O presidente da República, Jair Bolsonaro, recebeu alta na manhã de hoje (11) da Unidade de Terapia Semi-intensiva, após melhora do quadro clínico, e está internado em apartamento no Hospital Israelita Albert Einstein, informou boletim médico divulgado há pouco.

O presidente não tem dor, nem febre e segue com melhora do quadro pulmonar. Na última semana, ele havia sido diagnosticado com pneumonia. Foi suspensa a nutrição parenteral (endovenosa) e introduzida dieta leve e mantido o suplemento nutricional.

Estão sendo mantidas também as medidas de prevenção de trombose venosa, realizados exercícios respiratórios, de fortalecimento muscular e períodos de caminhada fora do quarto.

Por ordem médica, as visitas permanecem restritas. O governador de São Paulo, João Doria, visitou o presidente na tarde desta segunda-feira e disse que ele deve ter alta ainda esta semana. Doria disse ainda que o presidente se reuniu com, pelo menos, um ministro hoje. A assessoria da presidência não confirmou a visitas de ministros.

 

Mais Notícias de Brasil e Mundo
25/04/2019 12:02 Três meses após tragédia de Brumadinho, bombeiros ainda buscam vítimas
Barragem da Vale na Mina do Feijão, em Minas Gerais, se rompeu em 25 de janeiro
25/04/2019 07:55 OMS: crianças devem ter tempo em frente a telas limitado a 1 hora
O estudo é um guia sobre atividades físicas, comportamento sedentário e sono
24/04/2019 17:18 Cármen Lúcia suspende decisão sobre reorientação sexual
Suspensão da ministra é válida até que a questão seja discutida pelo STF
23/04/2019 14:00 Novo Código de Ética Médica entra em vigor na próxima terça-feira
Norma mantém autonomia do paciente, mas não regula telemedicina
23/04/2019 09:03 Ministério da Cidadania anuncia novas regras para a Lei Rouanet
A legislação vai passar a se chamar Lei de Incentivo à Cultura, informa Governo