Uma Visão Geopolítica do Brasil
Blogs e Colunas | Saumíneo Nascimento 04/08/2018 23:53 - Atualizado em 05/08/2018 21:28

Para analisar o Brasil do ponto de vista de seus aspectos geopolíticos, irei situá-lo no contexto mundial em alguns aspectos relevantes do seu posicionamento - o seu território (extensão, fronteiras e litoral), a sua população e a sua riqueza.

Essa minha breve e simples explanação tem um viés teórico ancorado no geógrafo alemão Friedrich Ratzel (1844-1904). Para ele, o espaço é o fator primordial na grandeza dos Estados, pois um largo espaço poderá assegurar a vida dos Estados e em outros teóricos geopolíticos que entendem a geopolítica com a incumbência de traçar diretrizes estratégicas para o exercício do poder.

Inicialmente abordaremos a questão territorial: o Brasil é o 5º país do mundo em extensão territorial, com 8.515.770 Km2, superior ao Brasil somente: 1º - Rússia com 17.098.250 Km2, 2º - Canadá com 9.984.670 Km2, 3º - Estados Unidos com 9.831.510 Km2 e 4º - China com 9.562.911 Km2. Depois do Brasil mais cinco países irão compor os 10 maiores países do mundo em extensão territorial e são eles: 6º - Austrália com 7.741.220 Km2, 7º - Índia com 3.287.260 Km2, 8º - Argentina com 2.780.400 Km2, 9º - Cazaquistão com 2.724.902 Km2 e 10º - Argélia com 2.381.740 Km2. Importante ressaltar que em nosso continente, América do Sul, o Brasil é o país com a maior extensão territorial.

Um aspecto importante na análise geopolítica de um país é a sua fronteira terrestre. O Brasil possui a 3ª maior fronteira terrestre do mundo, sendo os 10 principais os seguintes: 1º - China com 22.117 Km, 2º - Rússia com 20.017  Km, 3º Brasil com 15.719 Km, 4º - Índia com 14.107 Km, 5º - Estados Unidos com 12.034 Km, 6º - Cazaquistão com 12.012 Km, 7º Congo com 10.757 Km, 8º - Argentina com 9.665 Km, 9º - Canadá com 8.893 Km e 10º - Mongólia com 8.220 Km.

Quando somamos as demais fronteiras além das terrestres, verifica-se que o Brasil possui fronteiras com 10 dos 12 outros países da América do Sul, com extensão total de 16.885,7 km. Somente Chile e Equador na América do Sul não possuem fronteiras com nosso país. A maior fronteira do Brasil é com a Bolívia, extensão de 3.423,2 km, dos quais 2.609,3 km são por rios e canais, 63,0 km por lagoas e 750,9 km por linhas convencionais.  Estados brasileiros que fazem fronteira com a Bolívia: Acre, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Abordar território propõe-se a apontar a sua extensão, suas fronteiras e mais um terceiro componente do aspecto territorial que aponta a força de um país, o tamanho do seu litoral. O Brasil não figura entre os dez maiores países em extensão de litoral, daí a sua 3ª posição em fronteiras terrestres, a sua posição mundial é a de 16º colocado, sendo o primeiro colocado na América do Sul com 7.491 km. Os 10 maiores países com litoral são: 1º Canadá com 202.080 Km, 2º - Indonésia com 54.716 Km, 3º - Dinamarca com 51.401 Km, 4º - Rússia com 37.635 Km, 5º - Filipinas com 36.289 Km, 6º - Japão com 29.751 Km, 7º - Noruega com 25.925 Km, 8º - Austrália com 25.760 Km, 9º - Estados Unidos com 19.924 Km e 10º - Nova Zelândia com 15.134 km.

Além do território, outro aspecto geopolítico fundamental de um país é a sua população e o Brasil é também o 5º colocado mundial em população. Considerando-se estatísticas recentes do Banco Mundial, a classificação dos dez pais mais populosos do mundo é a seguinte: 1º - China com 1.364,3 milhões de habitantes, 2º - Índia com 1.295,3 milhões de habitantes, 3º - Estado Unidos com 318,9 milhões de habitantes, 4º - Indonésia com 254,4 milhões de habitantes, 5º - Brasil com 210,1 milhões de habitantes, 6º - Paquistão – 185,0 milhões de habitantes, 7º - Nigéria com 177,5 milhões de habitantes, 8º - Bangladesh com 159,1 milhões de habitantes, 9º Rússia com 143,8 milhões de habitantes e 1º o – Japão com 127,2 milhões de habitantes.

Assim como é o maior país da América do Sul, o Brasil também é o país mais populoso da América do Sul.

No terceiro quesito geopolítico do Brasil, a sua riqueza medida pelo Produto Interno Bruto (PIB), ocupamos a 7ª posição, na última base de dados do Banco Mundial, cuja classificação dos dez países mais ricos é a seguinte: 1º - Estados Unidos com US$ 17.348 bilhões, 2º - China com 10.430 bilhões, 3º - Japão com 4.596 bilhões, 4º - Alemanha com 3.874 bilhões, 5º - Reino Unido com 2.992 bilhões, 6º - França com 2.833 bilhões, 7º - Brasil com 2.417 bilhões, 8º - Itália com 2.141 bilhões, 9º Índia com 2.042 bilhões e 10º Rússia com 2.029 bilhões. Na América do Sul o Brasil também possui o maior PIB.

Muitas outras variáveis são importante na trama da composição dos pontos geopolíticos do Brasil e entre as que não abordei neste ensaio, mas farei em outros são: a capacidade militar, o patrimônio intelectual da população, a composição demográfica e o grau de satisfação com a vida  que a população tem.

Estas informações interconectadas poderão ajudar a entender o Brasil e auxiliar em concepções estratégicas para o país.

Notícias em Sergipe
Mais Notícias de Saumíneo Nascimento
08/07/2018 12:13

As Disputas Comerciais do Brasil na OMC

17/06/2018 12:00

A saga dos refugiados pelo mundo

20/05/2018 11:59

Indicador do Comércio Mundial

08/05/2018 20:23

Uma visão da população Mundial

14/04/2018 06:27

O crescimento do comércio mundial em 2018

Blogs e Colunas
Saumíneo Nascimento
Saumíneo Nascimento é Economista, Mestre e Doutor em Geografia, tem Pós-Doutorado em Ciência da Propriedade Intelectual pela UFS, membro do Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe, da Associação Brasileira de Relações Internacionais e da Academia Nacional de Economia.

E-mail: saumineon@gmail.com