Eleições 2018
TSE mantém horários locais para votação nas eleições deste ano
Uma sugestão de alteração havia sido apresentada pelo ministro Gilmar Mendes
Política| Por Agência Brasil 09/08/2018 16:00 - Atualizado em 09/08/2018 14:53

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (09), por unanimidade, manter os horários de votação inalterados para a votação deste ano, obedecendo aos fusos horários locais, sempre das 8h às 17h em todas as unidades da Federação.

Uma sugestão de alteração havia sido apresentada pelo ministro Gilmar Mendes, que propôs o término da votação unificado pelo horário de Brasília, de modo a uniformizar a apuração.

Para que os resultados fossem apurados no mesmo momento, porém, seria necessária uma antecipação do início da votação em estados como o Acre, cujo fuso horário é ao menos duas horas atrasado em relação ao horário de Brasília.

“Parece que qualquer das soluções possíveis revela aspectos positivos e negativos”, disse a ministra Rosa Weber, que será presidente do TSE durante as eleições. Ela elogiou a iniciativa de Gilmar Mendes, mas votou por manter os horários atuais. Segundo a ministra, "inúmeras dificuldades implicariam o início das eleições, devido ao fuso horário, ainda pela madrugada”.

O atual presidente do TSE, ministro Luiz Fux, disse ter recebido diversas reivindicações de presidentes de tribunais regionais eleitorais (TREs) para que fossem mantidos os horários. Ele lembrou haver “estados bem carentes que teriam que começar a distribuir o material às 3 horas da manhã”.

 

Mais Notícias de Política
11/12/2018 16:08 Governo de Sergipe quer reajustar alíquota de três tributos
Três projetos, entre eles o que reajusta ICMS, devem ser votados na próxima semana
11/12/2018 15:48 MP processa Valmir de Francisquinho e Talysson por compra de votos
Filho do prefeito afastado de Itabaiana (SE) foi o deputado estadual mais votado
11/12/2018 14:35 Deputada Maria Mendonça comenta supostas ameaças feitas a membros de sua família
Boletim de ocorrência foi feito e investigação está a cargo da Polícia Civil, segundo SSP/SE
11/12/2018 11:25 MPF pede cassação e inelegibilidade de deputada Diná Almeida
Deputada eleita, prefeito de Tobias Barreto e mais quatro são réus no processo
11/12/2018 10:20 Valdevan 90: faxineira confessa ter emprestado CPF para doação
Ele é investigado por suspeita de captação ilícita de recursos para doações pós-campanha