Sukita faz peregrinação para se entregar à Polícia Federal
“Não sei quando verei a luz do sol”, diz ex-prefeito condenado a 13 anos de prisão
Política| Por F5 News 14/09/2018 10:30 - Atualizado em 14/09/2018 11:01

O ex-prefeito de Capela (SE), Manoel Messias Sukita Santos, decidiu se entregar à polícia nesta sexta-feira (14), após ser condenado a 13 anos e nove meses de prisão por corrupção eleitoral, desvio de verbas públicas e autorização de despesas não previstas em lei. 

Durante sessão do Tribunal Regional Eleitoral em Sergipe de ontem (13), a Justiça  determinou a execução da pena contra o ex-prefeito, que é candidato nas eleições desse ano. O TRE indeferiu a candidatura, porém ele deve concorrer sub judice.

Para se entregar à Polícia Federal, Sukita disse que iria a pé do município capelense, distante 60 quilômetros de Aracaju, capital, onde fica a sede da PF. O ex-prefeito saiu andando da cidade onde mora, na manhã de hoje. Vários apoiadores acompanham a peregrinação, que deve ser finalizada às 12h.

À imprensa, Sukita declarou que vai cumprir a determinação da Justiça conforme acordado com os advogados, mas que iria andando para “sentir o sol e o vento”. “Vou caminhando para sentir o sol e o vento. Já passei 40 dias sem ver a luz do sol e não sei quando voltarei a ver”, afirmou à Fan F1.

Caso a caminhada se atrase, o ex-prefeito disse ainda que pegaria uma carona para chegar no horário estabelecido. Sukita e outros três integrantes de sua equipe política foram condenados por participação no esquema. A condenação em segunda instância é resultado de ação do Ministério Público Eleitoral ajuizada em julho de 2015. 

O mandado de prisão foi expedido na data de hoje pela magistrada de Capela. 

Recurso

Através de nota, a defesa de Sukita disse que vai recorrer da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda hoje e impetrar habeas corpus para o TSE, requerendo a concessão do efeito suspensivo da decisão "para que ele possa se defender em liberdade, enquanto não transitar em julgado a respeitável decisão judicial".

Ainda segundo a defesa, Sukita deve se apresentar de forma expontânea a Polícia Federal a partir das 15h. 

 

Mais Notícias de Política
22/01/2019 14:14 Bolsonaro diz que vai trabalhar para o Brasil ser exemplo para o mundo
No Fórum de Davos, presidente reafirma compromissos de campanha
21/01/2019 16:46 Governo de SE avalia possibilidade de decretar calamidade financeira
Mesmo com cortes de gastos, Estado ainda enfrenta dificuldades para manter contas em ordem
21/01/2019 16:23 Em Davos, Bolsonaro diz que vai buscar investimentos para Brasil
Em entrevista, presidente afirmou que discurso será "curto e claro"
18/01/2019 08:18 Subvenções: três pessoas são condenadas pelo crime de peculato
Segundo o MP, prejuízo mínimo causado ao erário é estimado em R$ 418,9 mil
17/01/2019 11:18 Alese convida para posse de Luciano Bispo, mesmo com mandato cassado
Legislativo ignora decisão do TRE que recomendou posse de Robson Viana