(79) 99659-0055
Entretenimento
13/04/2018 10:11:00
Veja a programação do Festival de Artes Cênicas

Neste final de semana o IV Festival Sergipano de Artes Cênicas segue com suas atividades. Sempre gratuitas, as apresentações que acontecerão nos Teatro Atheneu e Tobias Barreto, retratarão espetáculos que valorizam a cultura negra, além de peças com companhias de outros estados do país.

Na sexta-feira, 13, a maratona de espetáculos tem início, a partir das 20h, no Teatro Tobias Barreto, com a apresentação do grupo GINKÁ – Coletivo Afro Contemporâneo de Sergipe, que subirá ao palco com o espetáculo de dança Anaué. Com classificação indicativa livre, a peça é resultado de relatos, vivências e linguagem dos antepassados, seja no ato de cantar, dançar, ou mesmo em trajes presentes na cultura atual, com coreografias e interpretações oriundas da releitura corporal da África no Brasil.

Já no sábado, dia 14, às 19h30, o Teatro Tobias Barreto receberá a apresentação do grupo “Um que de negritude”, que leva ao público o espetáculo “Omió – Omiró, Águas que lavam a vida e lavam a alma”. O grupo, formado por alunos do Colégio Estadual Atheneu Sergipense, é conhecido por divulgar a cultura afro-brasileira através da dança e promover reflexões sobre o racismo e o preconceito racial na atualidade. O espetáculo tem classificação indicativa livre.

Ainda no sábado, o grupo Tato Criação Cênica, do Paraná, levará ao Teatro Atheneu, a partir das 21h, a peça “O tropeço”. O espetáculo tem público reduzido, apenas 200 pessoas, e a distribuição das senhas para acesso será realizada uma hora antes do espetáculo.

A encenação é realizada apenas com as mãos dos atores, em uma mesa com  luz de velas, e conta a história de duas idosas que moram juntas. Partindo da costumeira visão que temos da velhice, mostra-se sua solidão e as pequenas ações rotineiras, porém cria-se um universo de sutileza e extravagância, poesia e comicidade em mãos que andam, dançam, bebem, respiram, riem e choram. A classificação indicativa do espetáculo é 14 anos.

Finalizando a programação do final da semana, a Companhia de Teatro Etc. e Tal, do Rio de Janeiro, apresenta o espetáculo “No buraco”, uma apresentação totalmente sem palavras, unindo humor, mímica, circo e teatro em uma peça em que o público vê somente parte do corpo dos atores. A classificação indicativa do espetáculo é 14 anos.

 

Fonte: Ascom Secult

Notícias em Sergipe
Outras notícias sobre Entretenimento
ColunistasVer todos
Mais Entretenimento
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
F5 News - © 2016.
criação de site