Rodrigo Rocha
30/10/2017 07:00:00
A importância das pesquisas para a Tomada de Decisão

Como já falado em outras publicações, gerenciar uma empresa exige a tomada de decisões constantemente. Porém, muitas informações relevantes não estão disponíveis através das rotinas administrativas diárias do empreendimento. Diante disso, faz-se necessária a contratação de pesquisas ou buscar pesquisas realizadas por terceiros, que sejam confiáveis e que tragam informações relevantes para o negócio.

Para conhecer, por exemplo, a opinião dos clientes sobre seus produtos ou serviços ou para realizar uma pesquisa de clima organizacional, faz-se necessário aplicar questionários através de pesquisa realizada pela própria empresa ou por terceiros. Mas independente de quem vai realizar o levantamento, muitas empresas acabam falhando na fase mais importante, que é executar ações com base nas pesquisas. Muitas vezes nada é feito com a análise dos resultados ou pior, nem sequer é analisado o resultado.

Quando um questionário é aplicado, o respondente espera que os itens que foram avaliados negativamente tenham algum tratamento ou pelo menos um retorno e se nada é feito acaba gerando mais insatisfação do que antes da pesquisa ser realizada, pois se tem a impressão de que a empresa tem conhecimento de determinado problema e que nada faz para resolvê-lo ou nem tenta, ao menos, justificá-lo.

Diante disso, torna-se fundamental estruturar um processo para decidir quando realizar pesquisas, quem fará as avaliações e qual procedimento adotar em relação aos resultados. Todo esse caminho crítico torna-se mais fácil se o instrumento de coleta das informações for cuidadosamente elaborado, pois muitas pesquisas também geram problemas por terem perguntas para as quais a empresa já sabe, previamente, que não tomará nenhuma atitude.

Além das pesquisas próprias, existem também pesquisas realizadas por terceiros e que permitem avaliar cenários econômicos e sociais em que a empresa está inserida, facilitando a tomada de decisões mais acertadas. Existem, por exemplo, pesquisas que mostram se o segmento econômico a que pertence está expandindo, reduzindo ou estagnado, permitindo à empresa avaliar se está dentro da tendência do setor ou se está seguindo um caminho diferente e, assim, avaliar desafios e oportunidades.

Existem diversas possibilidades de pesquisas, porém a parte mais importante é a ação efetivamente realizada a partir da análise dos seus resultados. Todas as empresas devem tomar determinadas decisões embasadas em pesquisas, mas para isto precisam ter pessoas preparadas para avaliar os resultados e indicar o melhor caminho a ser seguido, tornando a empresa competitiva ao longo do tempo.

Mais do Colunista Rodrigo Rocha:
Colunista Rodrigo Rocha
Rodrigo Rocha
Doutorando em Ciência da Propriedade Intelectual, possui Graduação em Ciências Econômicas (2005) e Mestrado em Economia (2008) pelo Programa de Mestrado em Desenvolvimento Regional e Gestão de Empreendimentos Locais pela Universidade Federal de Sergipe. Atualmente é Superintendente do Instituto Euvaldo Lodi - Núcleo Regional de Sergipe (IEL/SE), Coordenador do Núcleo de Informações Econômicas e Supervisor do Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES). Lecionou diversas disciplinas em cursos de níveis tecnológico, graduação e MBA. Tem formação em Coaching e Mentoring, experiência em Pesquisas Econômicas diversas e realiza palestras nas áreas de Desenvolvimento Econômico, Gestão de Empreendimentos Locais, Gestão da Inovação e Gestão de Carreiras.

 

O conteúdo desta publicação é de responsabilidade do colunista.

Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
Notícias em Sergipe
F5 News - © 2016.
criação de site