Transações bancárias feitas por celular aumentam no país, diz BC
Canais de atendimento físico ainda são responsáveis por grande parte dessas operações
Economia| Por Agência Brasil 07/11/2018 14:15 - Atualizado em 07/11/2018 14:19

O número de canais de atendimento físico dos bancos vem se reduzindo, enquanto o acesso a serviços financeiros por meio remoto, como por celular, cresce significativamente. É o que aponta o Relatório de Cidadania Financeira divulgado hoje (07) pelo Banco Central (BC). As transações por aplicativos, internet banking e call centers registraram expansão significativa – de 20%, de 2015 a 2016, e de 21%, de 2016 a 2017 – e representam 66% do total das transações realizadas (remotas e presenciais).

Já as transações realizadas em canais presenciais – agências e postos, caixas de autoatendimento e correspondentes bancários – diminuíram em 5% de 2015 a 2016 e voltaram a crescer 7% de 2016 a 2017.

Embora as transações nos canais digitais estejam aumentando velozmente, os canais de atendimento físico ainda são responsáveis por grande parte dessas operações (dados de 2017), com destaque para os correspondentes bancários (28%), que perdem apenas para as transações em internet banking (36%) e ficam acima das efetuadas por meio de celular (14%), de acordo com o Banco Central.

Pontos de atendimento

Segundo o relatório, em 2017, os pontos físicos de atendimento eram, no total, 257.570, contra 277.982 em 2015. “Existe um movimento de redução também no número de correspondentes desde 2014, com uma queda de cerca de 10% no total de pontos no período (209.938 em 2014, contra 189.002 em 2017)”, diz o relatório.

Acesso aos bancos

Em 2017, mais de 140 milhões de pessoas mantinham algum relacionamento bancário, como contas de depósitos à vista (conhecidas popularmente como contas-correntes), contas de depósitos de poupança e contas-correntes de depósitos para investimento. Esse número corresponde a 86,5% das pessoas com mais de 15 anos.

 

Mais Notícias de Economia
14/11/2018 16:50 Sergipe tem a segunda maior taxa de desocupação no país, aponta IBGE
Com mais de 180 mil desempregados, aumento em relação a 2017 foi de 31,5%
14/11/2018 09:34 Imposto de importação aumenta custos de produtos nacionais, diz Ipea
Análise do Ipea calula pela 1ª vez efeito da tributação para o país
13/11/2018 17:55 Fábrica de embalagens de vidro será reativada em Estância
Estado volta a atrair investidores e geração de empregos deve continuar crescendo
13/11/2018 09:19 Almoço com Negócios receberá economista-chefe da Brasilprev
Edgard de Abreu Cardoso palestrará sobre “Os cenários econômicos”
12/11/2018 18:20 Aneel vai lançar aplicativo para ajudar a entender a conta de luz
A plataforma facilita ainda o registro e acompanhamento de Solicitações de Ouvidoria