Governo vai reduzir preço do gás de cozinha em Sergipe
Economia| Por Agência Sergipe 04/06/2019 15:45

Durante o Papo Reto desta terça-feira (04), o governador Belivaldo Chagas anunciou a adoção de medidas para redução do preço do gás de cozinha consumidor. Com isso, o valor deve apresentar queda nas próximas semanas, em função da nova metodologia utilizada pelo Governo do Estado, para cálculo da cobrança do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre o produto desde o dia 1° deste mês.

Conforme proposta do governo apresentada junto ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), o valor de referência adotado em Sergipe é 9% menor que o anterior, o que deve refletir em uma redução no preço final do botijão de gás de 13 quilos, repassado ao consumidor. 

“Estamos trabalhando com a equipe técnica e tributária do governo para encontrar alternativas para a situação do gás como todo no estado. O primeiro resultado obtivemos agora, com a redução do gás de cozinha, que poderá possibilitar uma diminuição de 10%. Esperamos em breve, encontrar outras alternativas para baratear o preço deste combustível em todas as esferas de uso no estado”, destaca Belivaldo.     

Esta é a segunda alteração na base de cálculo em menos de um ano em Sergipe. Em agosto do ano passado, o Governo do Estado adotou medida semelhante, ocasionando a equiparação da carga tributária à de estados vizinhos, incentivando também o aumento da competitividade do mercado sergipano. Na prática, ocorreu uma queda no preço em até R$ 15. Ou seja, em Sergipe, o botijão que em agosto de 2018 custava entre R$ 78,00 e R$ 80,00 baixou para entre R$ 63,00 e R$ 65,00. 

Outros temas

Também durante o programa televisivo, o governador destacou outras ações realizadas pelo Estado. Ainda em relação ao gás, Belivaldo ressaltou os debates sobre a redução do Gás Natural Veicular (GNV). "Na última semana, nos reunimos em meu gabinete com representantes de taxistas, quando eles solicitaram a isenção do ICMS que incide sobre o preço do gás e estamos estudando todas possibilidades para buscar alternativas, dentro das condições do Estado", afirmou.

Outro ponto destacado pelo governador são as obras de recuperação da Rota da Laranja, que engloba municípios das regiões Sul e Centro Sul do estado de Sergipe. Segundo Belivaldo, a ideia é atender um total de 200 quilômetros de rodovias, também em outras regiões do estado.

"Amanhã, discutiremos em Brasília (DF) com o Banco do Brasil, caso haja sinalização positiva para a disponibilidade de um recurso de R$ 150 milhões, que deverão ser aplicados na recuperação das vias sergipanas de modo geral", complementou.

Questionado sobre o andamento do processo relacionado à Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen), que está em hibernação desde o início deste ano, Belivaldo falou sobre o andamento do processo de licitação para o arrendamento da fábrica.

"As empresas que estão participando do processo de arrendamento da Fafen já estiveram em Sergipe, estão dialogando com a secretarias estaduais, conhecendo de perto o que é a Fafen, para que possam apresentar a proposta à Petrobras. Esperamos que tudo caminhe para a retomada das atividades da Fafen em Sergipe", complementou.

Mais Notícias de Economia
23/07/2019 11:43 Abono do PIS/Pasep começa a ser pago nesta quinta-feira
Mais de 23 milhões de trabalhadores podem receber o dinheiro
23/07/2019 07:43 ANTT suspende novas regras para cálculo de frete mínimo
Agência determinou que ficam valendo as normas aprovadas em 2018
22/07/2019 21:06 CNI: aumenta preocupação da indústria com a falta de demanda
A produção industrial em junho caiu na comparação com maio
22/07/2019 18:54 Belivaldo Chagas acaba com gratificações para diretores
Medidas visa redução de gastos na administração pública
22/07/2019 18:52 Municípios têm prazo para impugnar índices de ICMS junto ao TCE
25% do montante arrecadado pelo Estado é repassado aos municípios