Dólar sobe 2,20% com aumento da tensão comercial entre EUA e China
Economia| Por Agência Brasil 11/07/2018 19:15 - Atualizado em 11/07/2018 18:55

O anúncio dos Estados Unidos de que poderá ampliar a taxação de produtos da China levou o dólar comercial a subir 2,20% nesta quarta-feira (11), e a moeda norte-americana chegou à cotação de R$ 3,8811 para venda.

O Banco Central continua sem atuar em leilões extraordinários de swaps cambiais (venda futura de dólares), apostando no cenário dos últimos dois pregões, quando houve queda de 3,5% na cotação da moeda.

O Ibovespa (índice da Bolsa de Valores de São Paulo) refletiu o aumento da tensão comercial entre Estados Unidos e China, fechando o pregão de hoje em baixa de 0,62%, com 74.398 pontos.

Papéis de grandes empresas acompanharam a tendência de queda, com Petrobras fechando em -1,97%; Vale, em -1,11%; e Bradesco, em -0,29%.

Mais Notícias de Economia
20/08/2018 16:40 Venda de imóveis no Brasil cresce 17,3% no segundo trimestre
Norte e Nordeste se destacam com aumento nas vendas de 40,7% e 34,7% respectivamente
20/08/2018 14:34 Instituto GBarbosa tem vaga para recepcionista e auxiliar de serviços gerais
Para concorrer a uma das vagas os candidatos devem enviar currículo até o dia 26 de agosto
18/08/2018 10:46 Mega-Sena pode pagar R$ 23 milhões neste sábado
As apostas também podem ser feitas pelo computador, tablet ou smartphone através da plataforma de Loterias Online da Caixa
17/08/2018 20:17 Seguradora lança programa de emprego para beneficiários do DPVAT
17/08/2018 09:21 Receita Federal lança aplicativo para consulta de processos