PF deflagra operação em Aracaju para coibir associação criminosa
Além da capital sergipana, a operação ocorre em mais cinco cidades do país
Cotidiano| Por Saullo Hipolito* 12/07/2018 12:25 - Atualizado em 12/07/2018 12:31

Na manhã desta quinta-feira (12), a Polícia Federal (PF) desencadeou uma operação em seis cidades do Brasil com o objetivo de apurar associação criminosa entre gestores da Confederação Brasileira da Handebol (CBHb) e de empresas privadas para prática de irregularidades na aplicação de R$ 6 milhões.

Nomeada como Sete Metros, em alusão à penalidade máxima aplicada a quem comete faltas graves nos jogos de handebol, a operação ocorre em Aracaju, onde está localizada a sede da CBHd. De acordo com a Polícia Federal, o Ministério do Esporte repassou o valor de R$ 6 milhões que seria destinado para realização do Campeonato Mundial de Handebol Feminino no Brasil, em 2012, durante o ciclo preparatório para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro de 2016.

Foram expedidos 15 mandados de busca e apreensão, por 60 policiais federais. Após investigações, a CBHb recebeu e continua recebendo recursos federais com fundamento na Lei Agnelo Piva (Lei nº 10.2642001), repassados pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), para aplicação em ações voltadas para o desenvolvimento do handebol no país. Os policiais fizeram buscas na sede da entidade, assim como na residência do presidente licenciado da CBHb, Manoel Luiz Oliveira.

A investigação ainda aponta que na aplicação dos valores recebidos pela entidade, os envolvidos fraudaram licitações, subcontrataram pessoas físicas e jurídicas impedidas de contratar com a União, superfaturaram valores de bens e serviços adquiridos, realizaram pagamentos por serviços não prestados e por bens não entregues e falsificaram documentos nas prestações de contas, incorrendo, por isso, em diversos crimes.

A operação ocorre também em Brasília, e em quatro cidades do estado de São Paulo -  São Paulo (capital), São Bernardo do Campo, Santo André e Cotia.

Foram alvos da operação as empresas GRM Serviços Médicos, Nobre Segurança Patrimonial, Flávio Audi Caleb Eventos, ZAS Qualidade de Vida, San Corporation, Photo &Grafia Comunicação,  Gera Força Locação de Equipamentos, MR Sport, Orion Serviços de Telecomunicação e Viação Cometa.

* Estagiário sob supervisão da jornalista Fernanda Araujo.

Mais Notícias de Cotidiano
22/10/2018 16:55 MP de Sergipe forma lista para escolha do novo PGJ
A lista com os nomes dos promotores será encaminhada ao governador do Estado, que terá 15 dias para anunciar o nome do escolhido
22/10/2018 16:30 Caso Barriga: novas testemunhas são ouvidas pela justiça
Audiência foi realizada na sala de depoimento especial no Fórum Gumercindo Bessa
22/10/2018 15:44 ABRH/SE promove o 2º encontro de líderes empresariais em Aracaju
Evento, encerra gestão de Cláudia Soledade à frente da entidade
22/10/2018 15:15 Mais de 1 milhão de candidatos já consultaram o local de prova do Enem
O Inep orienta os estudantes a acessarem o cartão de confirmação com antecedência e conhecer o local da prova
22/10/2018 15:10 Movimento LGBTT cobra da SSP/SE reforço do enfrentamento à violência de gênero
Em quase um ano delegacia especializada registra 23 casos de LGBTfobia