Defesa Civil descarta risco de desabamento do antigo Hotel Palace
Cotidiano 15/07/2017 08:30

Órgãos públicos municipais e estaduais apresentaram informações a respeito da vistoria realizada esta semana no prédio do antigo Hotel Palace, localizado na praça General Valadão, Centro de Aracaju, em entrevista coletiva, realizada na sede do Corpo de Bombeiros de Sergipe (CBM/SE). O objetivo foi esclarecer e acalmar a população, após os comentários que circularam nas redes sociais devido à inspeção do local.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Aracaju, coronel Gilfran Mateus, o risco de colapso estrutural está praticamente descartado. “Existem outros riscos de menor importância do que um desabamento, como infiltrações, descolamento de pastilhas e queda de vidraças, mas estamos trabalhando em conjunto, solicitando intervenção principalmente do poder público estadual, para sanar essas pendências o mais rápido possível e evitar uma decisão mais drástica, que seria a interdição”, explica.

A equipe técnica do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Sergipe (Crea) reuniu informações e dados para elaboração de um laudo aprofundado sobre os problemas estruturais, que será entregue dentro de um prazo de 60 dias.

Durante a inspeção, mais de 60 comerciantes do local também foram notificados sobre a necessidade de regularização para risco de incêndio, devendo adequar-se às exigências legais em 30 dias, apresentando o Projeto de Prevenção e Combate a Incêndio e Pânico, colocação de extintores e sinalizações de emergência.

A vistoria, realizada por iniciativa da Empresa Sergipana de Turismo (Emsetur) e do Ministério Público de Sergipe (MP/SE), acabou gerando um certo pânico na população. “Queremos acalmar, deixando clara toda a situação do prédio, sem ignorar que existem patologias que precisam ser tratadas e que iremos aguardar o laudo mais consolidado do Crea, para nos subsidiar e tomar as devidas providências”, assegura o coronel Mendes, comandante do Corpo de Bombeiros.

O prédio, que atualmente tem grande parte da sua propriedade do Governo do Estado, com participação da Secretaria de Patrimônio da União (SPU) e de particulares, foi inaugurado em 1962 como o mais moderno e luxuoso hotel da capital.

*Com Agência Aracaju

Mais Notícias de Cotidiano
18/06/2018 17:55 Chuvas causam transtornos em ruas e avenidas de Aracaju
Previsão do Tempo estima 100mm de precipitação até a sexta-feira
18/06/2018 16:20 Vigilância Sanitária fiscalizará comerciantes do Arraiá do Povo
Festejos acontecem até o dia 30 deste mês na orla da Atalaia em Aracaju
18/06/2018 16:13 Educação de SE continua com campanha de doação de livros
A campanha é focada em doação de livros que não sejam didáticos
18/06/2018 15:08 Nilton Soares conquista 1º lugar no Sergipano de Ciclismo
18/06/2018 14:45 Roubo de fiação elétrica deixa dois municípios sergipanos sem água
Reparos devem ser concluídos ainda nesta segunda-feira, segundo a Deso