CNI e Senai promovem evento destinado à qualificação em sistemas tecnológicos
O debate abrange desde realidade aumentada à criação de sistemas inovadores
Cotidiano| Por Milton Alves Júnior 13/09/2018 20:38 - Atualizado em 13/09/2018 21:07

Uma parceria educacional entre a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) tem ofertado a centenas de sergipanos a oportunidade de abranger o conhecimento sobre a Indústria 4.0. A proposta é despertar o interesse coletivo sobre o que os especialistas chamam de ‘a quarta Revolução Industrial’.

No traduzir das palavras, se trata de uma expressão que engloba algumas tecnologias para automação e troca de dados e utiliza conceitos de Sistemas ciber-físicos, Internet das Coisas e Computação em Nuvem.

Durante três dias cerca de 200 profissionais que atuam no setor industrial possuem a oportunidade de se aprofundar mais nos estudos sobre essas tecnologias e contribuir diretamente para a qualificação do setor.

Além de funcionários atuantes nas mais diversas áreas do sistema, esse evento – denominado ‘Desvendar 4.0’  - reúne ainda empresários e gestores industriais que debatem alternativas para gerar progressos administrativos e operacionais.

Essa é a primeira vez que o Estado de Sergipe permite ao público externo a participação em cursos e palestras. Em 2016 e 2017 essas ações eram desenvolvidas com grupos internos de gestores.

Segundo Marcos Pacheco, interlocutor da Rede Senai Sergipe de Ensino a Distância (EaD) e Tecnologias Educacionais, toda a comissão organizadora dos cursos se espantou diante da ampla procura pelas atividades. Turmas destinadas exclusivamente à mulheres, e outro à pessoas com idade acima de 40 anos foram abertas e atingiram o limite de vagas disponíveis.

“Temos duas turmas somente para mulheres com 30 vagas cada. Nessas turmas, por exemplo, estamos explorando o campo da realidade aumentada com elementos gráficos de qualidade, que nos faz compreender o avanço tecnológico que juntos estamos conseguindo atingir. Existem ainda estudos sobre a realidade virtual e o desenvolvimento de sistemas que permitam administrar a residência através do celular”, declarou.

Com esse sistema de interconexão em residências é possível, de onde quer que o cidadão esteja – desde que com acesso a uma rede de internet sem fio - acender lâmpadas, ligar a televisão, diminuir a temperatura da geladeira, ativar ou desativar alarmes, cercas elétricas, bem como abrir ou fechar portões elétricos. Em novembro próximo o SENAI realizará evento semelhante. Pacheco acredita que a procura novamente será em grande escala.

“Tivemos um overbook nessa vez com a procura incrível; o próximo Desvendar 4.0 será realizado no próximo mês de novembro com um mecanismo educacional semelhante ao atual. É preciso ficar atento à abertura dos cadastros já que as vagas são limitadas”, informou.

Mais Notícias de Cotidiano
25/09/2018 09:58 Casal é preso tentando financiar veículo com documentos falsos
Dupla detida na capital sergipana já tinha passagem pela polícia
25/09/2018 09:46 Aracaju completa doze dias sem registros de homicídios dolosos
Último caso aconteceu no dia 13 de setembro no Bairro Capucho
25/09/2018 07:22 Pipas na rede elétrica deixam três cidades sem energia
Problema interrompeu fornecimento para 3.540 unidades consumidoras
25/09/2018 07:21 Polícia cumpre seis mandados de prisão em Ribeirópolis
Operação combate homicídios, tráfico de drogas e roubos
24/09/2018 20:18 Master coach promove curso de Oratória em Aracaju
Atividades acontecem nos dias 1º e 2 de dezembro. Veja como participar!