Polícia Federal deflagra ações em SP, PR e SE por crimes eleitorais
Brasil e Mundo| Por Agência Brasil 10/10/2018 08:12 - Atualizado em 10/10/2018 15:50

A Polícia Federal deflagrou hoje (10) três ações simultâneas para investigar e coibir crimes relacionados às eleições de 2018. De acordo com os policiais, são cumpridos um mandado de busca e apreensão no Paraná e a lavratura de dois Termos Circunstanciados de Ocorrência em São Paulo e Sergipe. 

Em nota, a polícia informou que as ações fazem parte das atividades desenvolvidas pelo Centro Integrado de Comando e Controle Eleitoral (CICCE/2018) em Brasília e pretendem aprofundar as investigações sobre vídeos que circularam recentemente nas redes sociais.

As apurações, de acordo com a polícia, são consequência do acompanhamento para identificar e afastar possíveis ameaças ao processo eleitoral de 2018.

Os investigados poderão responder, no caso do estado do Paraná, pelos crimes de violação de sigilo do voto e porte ilegal de arma.

Já os investigados em Sergipe e São Paulo deverão responder por incitação de crime contra candidatos.

Mais Notícias de Brasil e Mundo
11/12/2018 13:51 Campinas: atirador invade igreja, mata quatro pessoas e comete suicídio
Outras quatro pessoas foram baleadas e estão em estado grave; criminoso ainda não foi identificado
10/12/2018 13:35 Museu Nacional recebe doação de quase 190 mil euros do governo alemão
Quantia equivalente a cerca de R$ 808 mil será utilizada na recuperação do acervo resgatado dos escombros
09/12/2018 09:50 Madri aumenta segurança para a final da Libertadores neste domingo
River Plate e Boca Juniors se enfrentam hoje (9) no estádio Santiago Bernabéu, em Madri.
07/12/2018 14:48 Mais Médicos abrirá inscrições para profissionais formados no exterior
Os candidatos terão entre os dias 11 e 14 de dezembro para enviar documentação ao ministério
07/12/2018 14:15 Doze pessoas são mortas durante tentativa de assalto a banco no Ceará
Seis reféns morreram no confronto, sendo cinco pessoas da mesma família, entre elas, duas crianças